Os perigos de ficar sentado demais

As pessoas que são sedentárias durante a maior parte do dia são mais propensas a ter um ataque cardíaco, de acordo com uma análise recente. O risco é maior quando as pessoas passam mais de 10 horas de vigília todos os dias sentados, assistindo televisão ou dirigindo.

Para a análise, os pesquisadores coletaram dados sobre mais de 700.000 pessoas de nove estudos. Eles descobriram que, após metade dos participantes terem sido avaliados por mais de 11 anos, as pessoas que eram as mais sedentárias (cerca de 12½ horas não-ativas por dia) eram 14 por cento mais propensas a ter um ataque cardíaco ou problema semelhante do que aqueles que eram os menos sedentários (cerca de 2½ horas não-ativas por dia), mesmo após o iniciarem práticas de atividade física.

Estudos anteriores revelaram que os níveis mais elevados de sedentarismo têm efeitos negativos sobre os triglicerídeos, a sensibilidade à insulina e a proteína C reativa.

Felizmente, uma segunda análise que incluiu dados sobre mais de 1 milhão de pessoas revelou que praticar 60 a 75 minutos de atividade física de intensidade moderada a cada dia parece reduzir o risco elevado de morrer entre as pessoas que passam mais de oito horas por dia sentado.

Os pesquisadores concluíram que se as pessoas são incapazes de evitar longos períodos inatividade (ficando sentados) – o que é comum no dia-a-dia de muitas atividades profissionais – é fundamental reservar algum tempo para a prática de atividade física.

Fonte: Helth After 50

https://www.healthafter50.com/food-and-fitness/article/the-dangers-of-sitting-too-much

Você pode gostar...