Benefícios do Yoga comprovados pela ciência

Existem diversos benefícios relacionados a essa prática e alguns deles foram comprovados pela ciência. Nesse artigo, enumeramos 13 benefícios acerca da prática dos benefícios do Yoga na saúde física e mental, baseado em evidências.

O Yoga é uma prática antiga que une a mente e o corpo, incorporando exercícios, meditação, posturas e técnicas de respiração, destinados a estimular o relaxamento e reduzir o estresse que somos submetidos diariamente.

1) Diminui o estresse

Estudos comprovaram que essa prática pode diminuir a secreção de cortisol, conhecido como o hormônio do estresse.

2) Alivia a Ansiedade

Estudos realizados em 64 mulheres com Transtorno de Estresse Pós-Traumático (TEPT), caracterizado por uma severa ansiedade, revelaram que após 10 semanas de prática do Yoga, 53% das participantes não mais apresentam os requisitos que caracterizavam a doença.

3) Pode ajudar a combater inflamações

Em 2015 um estudo com 218 participantes demonstrou que aqueles que praticaram Yoga tiveram menos problemas inflamatórios que poderiam contribuir para doenças do coração, diabetes e câncer, do que aqueles que não praticavam.

4) Pode melhorar a saúde do coração

Estudos concluíram que praticantes de Yoga tiveram uma diminuição de 23% no colesterol total e redução de 26% no colesterol “ruim” (LDL). Ademais, observou-se que a progressão de diversas doenças do coração foi reduzida em 47% dos pacientes que praticavam esse método.

5) Melhora a qualidade de vida

Estudos demonstraram que o Yoga pode ajudar a combater fadiga, reduzir sintomas do tratamento do câncer como náusea e vômitos e melhorar os níveis de percepção da dor, além de auxiliar com a qualidade do sono e níveis de espiritualidade, o que melhora a função social e os sintomas de depressão em pacientes com câncer.

6) Pode ajudar a combater a depressão

Participantes de estudos sobre depressão submetidos a tratamentos tradicionais e que praticaram Yoga durante o processo, tiveram menores níveis sanguíneos de cortisol (hormônio do estresse) o que influenciou nos níveis de serotonina (neurotransmissor associado a depressão). Também beneficiou aqueles que estavam combatendo a dependência alcoólica. Ou seja, a prática do Yoga quando combinada com os métodos tradicionais de tratamento é muito benéfica.

7) Pode reduzir a dor crônica

Um estudo realizado em 2005 demonstrou que pacientes praticantes de Yoga tiveram uma melhora na dor crônica relacionada a osteoartrite dos joelhos. Outros estudos já demonstraram uma considerável melhora auxiliar no tratamento da tendinite em curto prazo.

8) Promove melhor qualidade do sono

Estudos comprovam que o Yoga, se praticado de forma rotineira, pode ajudar a promover uma melhora na qualidade do sono. Em 2005 um estudo com 69 pacientes idosos demonstrou que a prática do Yoga auxilia a dormir mais rapidamente e a acordar mais descansado no dia seguinte. O bom sono contribui para o combater a ansiedade, a depressão e o estresse e também para o alívio da dor física.

9) Melhora a flexibilidade e o equilíbrio

Um estudo recente analisou o impacto da prática de Yoga em 26 homens jovens e atletas. Os especialistas constataram uma melhora considerável em medidas de flexibilidade e equilíbrio comparados aqueles que não praticavam Yoga. Em 2013 outro estudo também demonstrou que a prática do Yoga melhora a flexibilidade e o equilíbrio em idosos e pessoas adultas. Todos saem ganhando!

10) Auxilia para uma melhor respiração

Há métodos de Yoga que envolvem a respiração, como o Pranayama. Em um estudo com 287 estudantes de universidade realizado com essa prática demonstrou uma significante melhora na capacidade vital pulmonar desses pacientes. Em 2009 um outro estudo já havia comprovado que o Yoga auxiliou a aliviar sintomas e a melhorar a função pulmonar em pacientes que sofriam com asma.leve a moderada

11) Melhora as crises de enxaqueca

Em 2007 um estudo com 72 pacientes que sofriam de enxaqueca comprovou que aqueles que praticavam terapia com Yoga em 3 meses tiveram um declínio na intensidade da dor, comparado aqueles que não praticavam o método.

Outro estudo com 60 pacientes que praticaram Yoga como método auxiliar aos tratamentos tradicionais observou que os praticantes de Yoga tiveram declínio considerável da dor, comparados aos que não praticavam.

12) Promove hábitos alimentares melhores

Um estudo incorporou a prática de Yoga a programas de tratamento de desordem alimentar com 54 pacientes. Os cientistas observaram que o Yoga auxiliou a reduzir os sintomas da desordem e a preocupação com a comida. Outros estudos comprovaram que o Yoga contribuiu para o modular o ato de comer descontroladamente (binge eating) e isso auxiliou os pacientes a usar métodos mais saudáveis de alimentação e melhores hábitos para perder peso.

Nesses pacientes, o método de “mindfullness” comprovou ser um dos mais eficientes no auxílio para adquirir hábitos alimentares mais saudáveis.

13) Pode aumentar sua força física

Estudos comprovaram que o Yoga pode ser um grande aliado a rotinas de exercício, propiciando o incremento de força muscular. Em um estudo realizado em 2015 cientistas perceberam que 173 participantes que praticavam Yoga junto com uma rotina de exercícios para resistência e força, tiveram uma considerável melhora nesses aspectos após 12 semanas de prática.

Baseado nesses fatos, em que múltiplos estudos demonstram o benefício da prática de Yoga tanto na saúde mental quanto na saúde física, incorporar essa prática à sua rotina pode ser um método auxiliar aos tratamentos tradicionais, que certamente trará benefícios no combate a diferentes males.

Para saber mais sobre essas pesquisas, leia o artigo da Healthline em:

https://www.healthline.com/nutrition/13-benefits-of-yoga