USPSTF nos EUA  recomenda intervenções para prevenir o tabagismo e uso de vaporizadores, por jovens.

USPSTF nos EUA recomenda intervenções para prevenir o tabagismo e uso de vaporizadores, por jovens.

São Francisco proibiu venda de cigarros eletrônicos

Os médicos da atenção primária devem fornecer educação ou aconselhamento comportamental a crianças e adolescentes em idade escolar para evitar que eles comecem a usar produtos de tabaco e sistemas eletrônicos de entrega de nicotina de acordo com uma recomendação da Força-Tarefa de Serviços Preventivos dos EUA (USPSTF).

A recomendação é semelhante à orientação de 2013 do grupo, exceto que é a primeira vez que os dispositivos que fornecem nicotina, incluindo cigarros eletrônicos e canetas de narguilé, são direcionadas. Outros produtos específicos incluem cigarros convencionais, charutos, tabaco para narguilé, gel de nicotina, tabaco para cachimbo, tabaco de enrolar e tabaco sem fumaça.

Além disso, a USPSTF diz que não há evidências suficientes para pesar os benefícios e danos das intervenções para a cessação do tabaco e dispositivos que fornecem nicotina em crianças e adolescentes. A declaração é a primeira que o grupo relatou sobre a cessação do tabagismo neste grupo etário.

Em notícias relacionadas, São Francisco proibiu recentemente a venda, fabricação e distribuição de todos os cigarros eletrônicos. É a primeira cidade dos EUA a aprovar tal proibição.

Referência: Physician’s First Watch FirstWatch@jwatch.org 29/06/2019