Doenças do Coração: como suspeitar? – Portal Cardiologia Knobel
Doenças do Coração: como suspeitar?

Doenças do Coração: como suspeitar?

O que é doença cardíaca?

O coração é o músculo que mais trabalha no corpo, pulsando uma média de 100 mil vezes por dia, dia e noite, para fornecer  oxigênio e nutrientes para nossas células. O sangue bombeado pelo coração também transporta  produtos do metabolismo celular como dióxido de carbono  que é  eliminado de nosso  corpo através dos pulmões. Um coração funcionando bem é essencial para sustentar a vida.

A doença arterial coronária, comumente chamada de “doença das coronárias”, é uma condição na qual o colesterol, cálcio e outras gorduras se acumulam nas artérias que transportam o  sangue para o musculo cardíaco. Esse material endurece formando uma placa que bloqueia o fluxo de sangue nas artérias coronárias. Quando uma artéria coronária fica estreitada  devido a essas placas ou devido a  outras causas, o músculo do coração fica sem  irrigação do sangue e, portanto não recebe oxigênio. Nesses casos  as  pessoas podem experimentar uma sensação de  dor no peito, conhecida como angina.

Algumas vezes placas de gordura em uma artéria coronária sofrem fragmentação ou simplesmente se rompem Quando isso acontece um coágulo sanguíneo se forma na área em resposta ao ferimento da parede interna da artéria. O coágulo pode bloquear o fluxo do sangue nessa artéria, causando um infarto do miocárdio (“ataque cardíaco”). Por vezes os   ataques cardíacos acarretam uma  parada cardíaca   uma situação conhecida como infarto do miocárdio  súbito. O coração pode apresentar uma arritmia perigosa,  conhecida  como taquicardia ventricular, que é potencialmente fatal.

As doenças do coração lideram os  índices de morte dos Estados Unidos e são responsáveis por cerca de 14 milhões de mortes entre os  adultos. Doenças cardíacas são responsáveis por mais mortes nos Estados Unidos do que a soma das causas  número 2 ao 7 do ranking.

Quais são os Fatores de Risco?

Alguns fatores de risco aumentam a chance de uma pessoa sofrer   doenças cardíacas. Os mais comuns são:

  • Colesterol alto
  • Diabetes
  • Histórico familiar de doença cardíaca
  • Obesidade
  • Pressão alta
  • Tabagismo
  • Doença Arterial Periférica

 

Alguns estilos de vida podem ser fatores de risco que aumentam as chances  de sofrer de doenças de coração, incluindo:

  • Dieta rica em  gorduras saturadas
  • Ter personalidade tipo A (impaciente, agressivo e competitivo)
  • Ser fisicamente inativo (sedentário)
  • Vivenciar estresse emocional

Sintomas e como reconhecer

Os sintomas de uma doença cardíaca variam de pessoa a pessoa. Aqueles que sofrem de dor no peito ou dificuldade de respirar têm maiores chances de ir ao hospital para receber tratamento. Para outros, infelizmente, um ataque cardíaco subido e morte são os primeiros sintomas que eles experimentam.

A maioria das pessoas com doença cardíaca percebe algum tipo de  sintoma  durante exercícios físicos. O músculo cardíaco precisa de mais oxigênio e mais nutrientes durante o esforço físico. Nestes casos   as pessoas que sofrem de doenças cardíacas podem apresentar alguns  sintomas quando estiverem em atividade.

Os sintomas incluem:

  • Dor na mandíbula
  • Dor ou desconforto no peito
  • Dor nas costas (tipicamente do lado esquerdo)
  • Dificuldade de respirar (falta de fôlego)

Outros sintomas podem incluir:

  • Náuseas
  • Tontura ou sensação de cabeça leve
  • Dor abdominal
  • Batimentos cardíacos irregulares ( palpitações)
  • Sensação de fraqueza (especialmente no período de descanso)

Alguns grupos de pessoas experimentam sintomas atípicos. Muitas mulheres, pessoas com diabetes e indivíduos idosos podem não apresentar    nenhuma dor como sintoma de uma doença cardíaca. As pessoas nesses grupos são mais propensas a reportar fadiga ou um sentimento de mal-estar generalizado como sintoma de doença do coração.

 

Fonte: OnHealth

https://www.onhealth.com/content/1/heart_disease_coronary_artery