Métodos para baixar a pressão arterial

Métodos para baixar a pressão arterial

Os benefícios do exercício físico

Exercício e Pressão Arterial elevada ( Hipertensão Arterial)

A Pressão arterial elevada aumenta o risco de doença cardíaca e acidente vascular cerebral (“derrame”). Existem métodos para o tratamento da  hipertensão arterial que incluem exercícios, controle do peso e uma dieta saudável. De fato, o exercício contribui para que a medicação seja mais efetiva. Verifique com o seu médico qual o melhor exercício físico que você pode realizar

 

Faça do exercício algo divertido

Os benefícios do exercício podem ser alcançados com apenas 30 minutos por dia. Andar de bicicleta (por exemplo, com as crianças), fazer a limpeza da casa, jardinagem, usar escadas e carregar as compras, tudo isso ajuda para que o benefício do exercício alcance o seu coração. Tente aumentar sua atividade física estacionando mais no fim do estacionamento, ou algumas quadras   até o destino.

 

Vá para a academia

A academia não é um ambiente obrigatório para o trabalho físico, entretanto, os benefícios de ter um treinador aumenta sua segurança e encorajamento. Verifique com o seu treinador antes de fazer um exercício a postura correta para evitar danos ou dores. Sua rotina dependerá de sua saúde, capacidade e vigor físico.

 

Fortaleça o seu coração

Treinos de resistência são benéficos em aumentar a sua taxa de metabolismo, reduzir gordura corporal e aumentar a massa muscular. Há diversas maneiras de desempenhar um bom treino de resistência incluindo a utilização equipamentos com peso, bandagens e equipamentos abdominais. Perder pelo menos 4,5 quilos pode ajudar a reduzir a pressão arterial ( pelo sobrepeso). Consulte o seu médico antes de iniciar um treinamento para perder peso.

 

Um bom exercício: Natação!

Exercícios aeróbicos fazem o coração bater com “mais força”. e contribui para diminuir a pressão arterial. Tente nadar num ambiente climatizado , por exemplo num clube perto de você ou centro  de ginastica, se você não se sente bem com calor. Nadar, a longo prazo, pode diminuir a sua pressão arterial e o pulso (numero de batimentos).

 

Quanto de exercício é o bastante?

A hipertensão pode ser prevenida ou controlada através de exercício regular. Algumas vezes, níveis moderados de exercícios aeróbicos como caminhar rápido por 30 minutos por dia pode ser o suficiente para diminuir ou eliminar o uso de medicamentos. O exercício definitivamente pode contribuir para que a medicação seja mais efetiva. O exercício por si só, reduz os níveis da pressão arterial em 5-15mmHg. Aumentar gradualmente a intensidade do exercício é melhor para segurança e efetividade em baixar a sua pressão arterial.

 

Começando!

Se faz um tempo que você não se exercita, comece devagar para evitar lesões. Comece com 10 a 15 minutos de exercício que você aprecia, como andar pelo quarteirão. Vá aumentando a intensidade e duração do seu treino até que você alcance 30 minutos por dia. Evite acumular o seu treino de rotina para “compensar”.

 

Regule seu ritmo para evitar lesões

Quando você inicia um novo exercício, você precisa ir com calma. Comece com intensidade baixa e desfrute dessa nova jornada! Tente Ioga, meditação, ciclismo, jardinagem, andar no shopping, exercícios aeróbicos aquáticos ou natação moderada. Aumente a intensidade e duração gradualmente conforme o seu progresso. Seu corpo e sua pressão arterial estarão os dois em uma condição mais ideal.

 

Faça do exercício algo conveniente

Modifique a sua rotina de treinos para encaixá-la em sua agenda diária. Tente treinar quando os filhos estão em suas práticas esportivas, antes ou depois do trabalho, até mesmo em sua pausa para o almoço! Se você fica em casa, considere adquirir uma esteira ou bicicleta (estação) para exercitar o corpo enquanto assiste a TV ou durante as sonecas do bebê.

 

Tente mini-treinos

Se sua rotina for muito intensa , para tornar o seu precioso tempo mais eficiente, tente fazer mini-treinos de 10 minutos em diferentes pontos do seu dia a dia. As opções estão a mercê da sua imaginação, mas incluem corrida parado no lugar, calistenia ou passar o aspirador de pó em casa dançando sua música favorita! Os três 10 minutos de mini-treino são os seus 30 minutos de treino diário – o suficiente para ajudá-lo a melhorar a saúde do coração.

 

Monte uma academia em casa

Sem tempo de ir a academia? Comece um programa de exercícios em casa ou no salão de ginástica de seu prédio ! Adquira uma plataforma para “step”, pesinhos, bandagens ou tubo de exercício e/ou Ioga ou uma bola para exercícios. Pronto, você tem uma academia! Se preferir, adquira também uma esteira ou bicicleta (estação) para ajudá-lo a queimar gordura e aumentar sua resistência. Dica para ajudar: Teste todos os equipamentos em uma academia antes de escolher o seu!

 

Esquente e esfrie!

Fazer aquecimento antes da academia e descansar no final do treino é importante para pessoas com hipertensão arterial de acordo com a American Heart Association (AHA). Isso ajuda aumentar a frequência cardíaca e a diminuí-la gradualmente. Apenas caminhar em uma esteira por 10 minutos é adequado para se aquecer antes do exercício e resfriar depois.

 

Relógio de monitoramento cardíaco

Gadgets podem ajudar você a manter o foco e o alvo. Relógios que monitoram seu coração pode ajudar você a ter rápido acesso a mensura de pulso. Para usar um: coloque a bandagem que vem junto com o relógio em seu corpo dentro da camiseta. Você poderá monitorar os seus batimentos cardíacos enquanto se exercita olhando para o relógio durante o treino. Esse é um monitoramento de medição precisa e é uma boa alternativa do que tomar a medida do pulso manualmente. Otimizar a zona de treinamento através do pulso varia significativamente, portanto sempre pergunte ao seu médico qual o melhor tipo  de treinamento para você.

 

Medicação e frequência  cardíaca

Medicações usadas para problemas cardíacos e hipertensão podem baixar a sua frequência cardíaca. Esses medicamentos incluem: betabloqueadores ou bloqueadores de canais de cálcio. Se você usa esse tipo de medicação, consulte o seu médico para determinar a melhor zona de batimentos durante os exercícios.

 

Conheça as dicas de segurança

Conheça suas limitações! Quando um exercício ou atividade física torna-se intensa e incômoda, é hora de parar! Seja realista! Vá devagar em dias mais quentes ou úmidos ou faça  exercícios em um local com ar-condicionado.

 

Veja seu médico regularmente!

Se você tem sido sedentário, acima do peso ou possui risco de doença coronária ou qualquer outro problema de saúde, você deve pedir ao seu médico aprovação (declaração/ atestado) antes de iniciar um programa de exercícios.É importante que a medição de sua pressão arterial seja feita por um profissional. Eles podem aconselhar você em como e quando ela deve ser realizada.

 

Além do exercício:

Dieta, já!

A dieta DASH tem mostrado diminuição na pressão sistólica do sangue (o número mais elevado  em uma medição de pressão arterial). Estudos demonstram que a dieta DASH pode reduzir a pressão sistólica em até 14 pontos. A dieta DASH é rica em frutas, vegetais e com baixo teor de gordura, em produtos que contem até 2 mil caloria por dia, além de ser baixa em gordura saturada, colesterol e gorduras totais.

 

10 quilos a menos

Se você está com sobrepeso, perder 10 quilos pode ajudar você a reduzir ou prevenir a hipertensão  arterial. Perder peso consiste em diminuir algumas calorias da sua dieta diariamente. Converse com um médico ou um profissional de nutrição para saber quantas calorias você precisa diariamente para perder peso. Aumente o seu exercício para queimar ainda mais calorias!

 

Tome cuidado com o sal!

As diretrizes nacionais recomentam o limite de sódio a não mais que 2.300 miligramas por dia. Uma dieta restrita em sódio pode diminuir a sua pressão arterial sistólica em 2 a 8 pontos e também podem melhorar os efeitos da medicação usada para pressão arterial. Tente substituir o sal por ervas enquanto cozinha e evite carne processada e enlatados.

 

Álcool pode ajudar?

A Joint National Committee on Prevention, Detection, Evaluation, and Treatment of High Blood Pressure (JNC) recomenda que as pessoas moderem o consumo de álcool. O limite deve ser não mais que dois drinks por dia para homens e um drink por dia para mulheres. Isso define que um drink tenha 12 “onças” de cerveja, 5 “onças” de vinho e 1.5 “onças” de licor. (1 “onças” = 28g).

 

Fonte: MedicineNet

https://www.medicinenet.com/lowering_blood_pressure_pictures_slideshow/article.htm?ecd=mnl_spc_121917